sábado, 20 de maio de 2017

Doce de morango e framboesas

Numa ida a Odemira fiz uma paragem obrigatória na Queijaria do Mira. Uma queijaria artesanal, que ainda faz queijos à moda antiga, é algo que não se vê muito. Sempre que passo por aquelas bandas é ponto assente que trago de lá queijos. Em especial o belo do requeijão de cabra que raramente chega para as encomendas e que só há quando as cabras têm leite. Um luxo.

Embora a consumo de laticínios não seja defendido numa alimentação paleo, há quem mantenha o consumo de iogurtes e queijos o que é o caso dos adultos cá de casa. A preferência deve ser dada a queijos mais curados, e normalmente seguimos esta norma, exceção feita a este requeijão delicioso.

Como este passeio por aquelas bandas me levou também a um produtor de framboesas, a cabeça começou logo a funcionar... A ideia original era fazer um cheesecake. Mas o tempo não deu para tudo, a semana de trabalho começou a alta velocidade, e as framboesas e o requeijão, sendo perecíveis, não davam para esperar pelo fim de semana seguinte.

Assim nasceu este "doce", que ligou lindamente com o maravilhoso requeijão e serviram de mote a um pequeno almoço de segunda feira de rei! Como não tem ponto de açúcar só aguenta cerca de 1 semana no frigorífico. Mas tenho a certeza que a validade não será um problema com a rapidez com que se faz e se come. 

 
 
 
 
 
 
Doce de morango e framboesas com chia
[faz um frasco de 250 ml]

Ingredientes:
- 140 gr de morangos
- 60 gr de framboesas
- 60 gr de mel
- 2 colheres de sopa de sementes de chia (15 gr)

Preparação:
Leve ao lume os morangos lavados, sem o pé e cortados em pedaços mais pequenos, as framboesas e o mel. Assim que levantar fervura, reduza o lume e deixe cozinhar até que veja que a fruta começa a ficar mole (5 minutos).

Desligue e adicione as sementes de chia. Deixe repousar uns minutos e desfaça tudo com uma varinha mágica ou num robot de cozinha. 

Coloque num frasco esterilizado e deixe arrefecer. Coloque no frio.

1 comentário: