sábado, 6 de fevereiro de 2016

Bolinho caseiro

Cada vez mais é importante ensinarmos aos nossos filhos que os doces são uma exceção e não uma regra, mas há dias em que sabe bem um miminho. Claro está, cá por casa privilegiamos os miminhos feitos em casa. E a receita de hoje é um desses miminhos. Porque é um bolo carregado de legumes e fruta! Muito bem disfarçados! Apesar de não ser muito doce, o chocolate compõe um pouco a coisa e a verdade é que eles nem dão por nada.

E se sabe bem na marmita dos filhotes, sabe ainda melhor na marmita dos papás. Não há como uma pausa a meio da manhã ou da tarde, com uma chávena de chá numa mão e uma garfada de puro prazer na outra.

____________________________

Bolo de cenoura, curgete e laranja com cobertura de chocolate


Ingredientes:


Para o bolo:

- 3 cenouras + 1 curgete (350 gr de polpa)

- 1 laranja (100 gr de sumo + raspa)

- 4 ovos M

- 140 gr de açúcar mascavado

- 1 iogurte natural

- 60 gr de amido de milho (@Mayzena)

- 60 gr de farinha integral

- 200 gr de farinha para bolos

-1 colher de chá de fermento

- 1 colher de chá de bicarbonato de sódio


Para a cobertura:

- 100 gr de chocolate (usei Pantagruel)

- 20 gr de Becel líquida (pode usar manteiga/margarina)

- 2 colheres de sopa de natas (usei de soja)


Preparação:

Pré-aqueça o forno a 180º.

Rale as cenouras e a curgete (usei um robot de cozinha) e reserve.

Bata muito bem os ovos, o açúcar, o iogurte, a raspa da laranja e o sumo. Junte as farinhas, o amido de milho, o fermento e o bicarbonato e misture bem. Por fim, junte os legumes ralados.

Unte uma forma (usei d´A Metalúrgica) com um pouco de manteiga e polvilhe com farinha. Verta a massa do bolo e leve ao forno por 45 minutos ou até que, fazendo o teste do palito, este saia limpo.

Prepare a cobertura. Parta o chocolate em pedaços uniformes e coloque numa taça de vidro que possa ir ao micro-ondas. Junte as natas e a Becel. Leve ao micro-ondas até derreter. Vá estando atenta e mexa sempre muito bem para que o chocolate não passe do ponto. Se preferir, pode fazer esta operação em banho maria.

Cubra o bolo com este chocolate.

Delicie-se com esta delicia [sem] pecado.

______________________

 

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Mais um caril soberbo

Uma querida amiga ofereceu-me uma receita da última vez que veio a Portugal. É daquelas amigas que sabe que só eu daria um valor enorme a uma receita... E como é óbvio desde que me a ofereceu já foi repetida inúmeras vezes cá por casa. Não fossemos fã de caril. Não fosse eu fã de comida vegetariana.

É uma receita tão simples quanto deliciosa. Cremosa. Saciante. Seja feita no tacho ou na Bimby, já foi aprovada e mais que aprovada. E adaptada e adicionada... Porque nestas coisas das receitas é impossível não adaptarmos ao gosto pessoal da malta de casa.

Se a quiserem enriquecer, podem ainda polvilhar com cajus torrados. Uma delicia!

Obrigado Joana por esta delícia!

___________________________

Caril de grão

[serve 4 pessoas]


Ingredientes:

- 1 cebola pequena e 1 dente de alho

- 20 gr de óleo de sésamo

- 1/2 malagueta vermelha fresca

- gengibre ralado a gosto (usei 1 cm)

- 400 gr de grão cozido

- 1 colher de chá de garam masala

- 1 colher de chá de açafrão

- 1 colher de chá de açúcar amarelo

- 400 gr de tomate de lata

- 300 gr de leite de coco

- 120 gr de couve flor

- sal e pimenta qb

- coentros qb


Preparação:

Coloque no copo da Bimby a cebola, o dente de alho, o gengibre, o Chili e o óleo. Pique 5 segundos, velocidade 5 e baixe os resíduos. Programe 5 minutos, varoma, velocidade 1.

Junte a garam masala, o açafrão e o açúcar amarelo e programe mais 4 minutos, varoma, velocidade 1.

Junte o tomate e pique 5 segundos, velocidade 5. Baixe os resíduos que ficaram nas paredes do copo. Junte sal e pimenta. Programe 10 minutos, varoma, velocidade 1. Aplique a varoma por cima com a couve flor, cortada em raminhos pequenos.

Findo o tempo, reserve a couve flor e junte o leite de coco no copo (as restante 100 gr da lata pode utilizar quando cozer o arroz basmati) e programe mais 5 minutos, varoma, velocidade 1. Junte o grão e a couve flor ao copo e programe 10 minutos, varoma, velocidade colher inversa.

Serve o caril polvilhado com coentros e acompanhado com arroz basmati.

 

Alternativa de preparação:

Num tacho coloque o óleo, a cebola e o alho picadinhos. Junte o gengibre e o Chili desfeitos. E deixe fritar um pouco até alourar e libertar os aromas. Junte o garam masala, o açafrão e o açúcar amarelo e deixe alourar mais um pouco. Junte o tomate desfeito e tempere com sal e pimenta. Deixe cozinhar lentamente por 10/15 minutos. Junte o leite de coco, o grão e a couve flor e deixe cozinhar cerca de 10 minutos. A couve flor é suposto ficar al dente.

Prove e ajuste os temperos e sirva acompanhado de arroz basmati cozido (em água e nos 100 ml de leite de coco que sobraram) e polvilhado com coentros frescos.

________________________

 

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Remédio caseiro para a chuva

Este tempo chuvoso tem feito com que me apetece mais sopa. É daquelas coisas que adoro comer. Que fica pronta num instante. E que é carregadinha de coisas boas.

Às vezes gosto de variar, especialmente se as sopas têm como destino a marmita. E esta foi pensada exatamente para isso mesmo.

É um instante em quanto se faz, tem um sabor bem reconfortante e é uma ótima opção para retemperar forças num dia de intenso trabalho. Especialmente se lá fora a chuva cai.

Esta receita vai passar a constar das minhas preferidas.

_____________________

Sopa de batata doce, abóbora, curgete e caril


Ingredientes:

- 1 dente de alho

- 1 cebola média

- 170 gr de abóbora amarela

- 240 gr de batata doce de polpa laranja

- 280 gr de curgete amarela (pode usar da normal)

- 800 gr de água

- 5 gr de sal grosso

- 1 colher de chá de caril

- azeite, coentros e sementes de girassol qb


Preparação:

Coloque todos os ingredientes no copo da Bimby, com exceção do azeite, dos coentros, do caril e das sementes de girassol.

Programe 25 minutos, varoma, velocidade 1.

Findo o tempo, junte o fio de azeite e o caril e programe 1 minuto, velocidade 7 (vá lentamente 3-5-7 para evitar salpicos). Prove e retifique os temperos.

No momento de servir, polvilhe com coentros frescos e sementes de girassol, previamente tostadas no forno, a gosto.


Alternativa de Preparação:

Coloque todos os ingredientes numa panela, com exceção do azeite, dos coentros, do caril e das sementes de girassol.

Leve ao lume até que os legumes estejam cozidos.

Passe com a varinha mágica. Prove e retifique os temperos.

Junte um fio de azeite e o caril e deixe cozinhar mais 5 minutos. Caso seja necessário, adicione um pouco mais de água.

No momento de servir, polvilhe com coentros frescos e sementes de girassol, previamente tostadas no forno, a gosto.

__________________________

 

 

 

 

 

 

 

sábado, 16 de janeiro de 2016

Bolo crumble

AQUI tinha trazido um bolo crumble, mas com pera. Hoje trago-vos mais um, mas desta vez com maçã e numa versão um pouco mais saudável, até porque o bom tempo já espreita. Para além da linha, cá por casa as preocupações com a saúde estão sempre presentes e se posso fazer um bolo delicioso, com menos calorias, sem sacrificar o sabor, então essa será mesmo a nossa opção.

Este ultrapassou as melhoras expetativas. Ficou brutalmente delicioso.

______________________

Bolo de maçã com crumble


Ingredientes para o bolo:

- 180 gr de açúcar amarelo

- 85 gr de óleo de coco

- 3 ovos L

- 80 gr de farinha de trigo

- 80 gr de farinha de esperta

- 1 colher de chá de fermento

- 1 colher de chá de canela

- 1 casca de limão

- 100 gr de avelãs

- 4 maçãs (usei Fuji)

- 1 mão cheia de passas


Ingredientes para o crumble:

- 50 gr de manteiga

- 20 gr de açúcar amarelo

- 80 gr de farinha de trigo


Preparação:

Pré- aqueça o forno a 180º.

Unte uma forma sem buraco e forre com papel vegetal. Reserve.

Pele as avelãs. Leve-as ao lume ou ao forno numa frigideira anti-aderente e pele-as assim que a casca começar a soltar-se. Coloque num robot de cozinha, junto com 1 casca de limão e reduza a farinha. Reserve.

Numa taça coloque o açúcar e o óleo de coco e bata bem até obter um creme fofo. Junte os ovos e bata mais um pouco. Junte a farinha, o fermento e a canela e misture bem. Por fim junte a avelã moída.

Espalhe na forma.

Descasque e descaroce as maçãs. Corte em meias luas e distribua por cima da massa do bolo. Espalhe as passas.

Misture bem os ingredientes do crumble até obter migalhas e distribua por cima da maçãs e das passas.

Leve ao forno por 50 minutos a 1 horas.

Delicie-se.

_____________________

 

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

Saladas diferentes

Tenho um conjunto de pratos, que não levam carne, nem peixe, que fazem parte do meu repertório de refeições práticas e deliciosas para levar na marmita durante a semana.

A receita que trago hoje faz parte desse repertório. É uma salada versátil, a que junto o que me apetece e costumo fazê-la na versão quinoa e na versão com couve flor, a que trago hoje. Qualquer que seja a versão, simplesmente adoro. São sabores bem portugueses e que na verdade resultam e saceiam bastante, apesar de ser uma receita com muito poucas calorias, excelente para este inicio de ano, de desintoxicação dos muitos abusos das festas...

Esta receita teve por inspiração uma salada publicada na Continente Magazine de Julho de 2015, mas também a salada de quinoa que a querida Isabel Zibaia tem publicada no seu primeiro livro.

Se acha que, por não gostar de couve flor, esta receita não é para si, desengane-se... A primeira vez que a servi o marido nem percebeu o que tinha, mas que tinha adorado... Pois... Ele odeia couve flor... O segredo aqui está em deixar a couve flor al dente e os temperos que usa para tornar esta salada deliciosa. Para além de que o sabor forte e salgado do queijo feta acaba por disfarçar os restantes ingredientes. Experimente!

_________________________

Salada de couve flor

[serve 2 pessoas]


Ingredientes:

- 400 gr de couve flor

- 100 gr de tomate mini chucha

- 100 gr de pepino

- 10 azeitonas descaroçavas cortadas às rodelas

- 100 gr de batata doce cozida al dente

- 1/2 cebola roxa

- 100 gr de queijo feta

- 1 colher de sopa de hortelã picada

- 1 colher de sopa de salsa picada

- sal e pimenta qb para temperar

- 4 colheres de sopa de azeite

- 2 colheres de sopa de sumo de limão


Preparação:

Coloque água a ferver e assim que levantar fervura coloque a couve flor e retire 3 a 4 minutos depois. O objetivo é só dar uma entaladela. Há quem não faça este passo e use a couve flor crua...

Retire, deixe arrefecer e depois de fria passa num robot de cozinha ou num ralador. O objetivo é picar, sem desfazer por completo, caso contrário a salada perde o lado crocante característico.

Coloque numa saladeira e junte o tomate em quartos, o pepino em cubos (eliminei as sementes), as azeitonas, a cebola picadinha, a batata doce cortada em cubos, a hortelã e a salsa picadas e o queijo esfarelado.

Faça a vinagrete com o azeite e sumo de limão e tempere com sal e pimenta. Junte à salada apenas no momento de servir.

________________________

 

quinta-feira, 24 de dezembro de 2015

Bacalhau & Broa

Hoje deixo mais uma sugestão para o Natal. Em Portugal a tradição é comer bacalhau cozido com couves na noite de consoada, mas não me confesso particularmente adepta dessa prática. Toda a logística em si exige disponibilidade e para quem recebe a família em casa, penso que seja mais prático fazer um prato de forno que pode ser preparado com a devida antecedência e pode ser finalizado sem a nossa intervenção.

Esta é a receita de bacalhau com broa que se faz cá por casa. O sabor das azeitonas e dos coentros por cima dá um paladar muito agradável e corta um bocadinho da gordura da cebolada e do azeite com que se rega este prato tão tradicional.

Tem o bacalhau e tem as batatas, por isso, se quiser, pode acompanhar com um pouco de couve portuguesa cozida para os mais saudosistas do prato típico da noite de consoada. Bom apetite!

_________________________

Bacalhau com broa cá de casa

[serve 3 pessoas]


Ingredientes:

- 300 gr de bacalhau cozido e lascado

- 2 cebolas (ou + caso goste)

- 3 dentes de alho

- 600 gr de batatas

- 150 gr de broa de milho

- 2 colheres de sopa de azeitonas sem caroço

- 4 hastes de coentros ou salsa

- 1 folha de louro

- sal e azeite qb


Preparação:

Descasque as batatas e corte-as às rodelas. Frite em óleo e escorra bem. Tempere com um pouco de sal.

Corte as cebolas em rodelas finas e os alhos em lâminas e refogue num pouco de azeite e louro. Reserve depois de pronto.

Num robot de cozinha coloque a broa, as azeitonas e a salsa/coentros (bem secos) e pique até ficar em migalhas.

Pré-aqueça o forno a 200º.

Num pirex de forno coloque uma camada de batatas fritas, uma cama de bacalhau desfiado e uma cama de cebolada. Faça camadas até terminar os ingredientes. Finalize com a broa esfarelada e regue com azeite a gosto.

Leve ao forno até que a superfície esteja lourinha.

_____________________

 

 

 

 

terça-feira, 22 de dezembro de 2015

Natal & Crinckles

Não sou muito de modas, de andar ao sabor da corrente. E quando no ano passado a crincklemania explodiu na blogosfera a minha teimosia não me deixou experimentar e perceber a razão de tamanho sucesso…

Este ano resolvi experimentar. Queria testar, com a devida antecedência, se seriam uma boa opção para presente de Natal…

Na primeira fornada todas as bolachas foram devoradas ainda quentes, húmidas por dentro. A decisão estava tomada. Iriam fazer parte dos nossos cabazes de Natal.

Na segunda fornada consegui ainda desviar algumas para presente, mas a verdade é que tive de fazer uma terceira fornada para conseguir preencher todos os cabazes.

São efetivamente deliciosas. São tipo mousse de chocolate, mas em forma de biscoito. Uma delícia.

Ficamos rendidos aqui por casa e depois de termos dado a provar a alguns amigos no trabalho, senti-me na obrigação de partilhar convosco a receita, a mesma partilhada inúmeras vezes que parece que teve origem na querida Mena do blog asaventurasdeumamama.blogspot.com de que sou fã incondicional…

Deliciem-se...

Aproveito para desejar a todos os que me seguem boas festas, um santo Natal e umas boas entradas.

Para quem andar ainda à procura de ideias para presentes de Natal, não deixe de ver as sugestões que dei nos últimos anos AQUI é AQUI e AQUI.

__________________________________

Crinckles de chocolate


Ingredientes:

- 200 gr de Chocolate para culinária

- 60 gr de Manteiga com sal

- 2 Ovos

- 100 gr de Açúcar

- 200 gr de Farinha de trigo T65

- 1/2 colher de chá de Fermento em pó

Açúcar em pó q.b.


Preparação:

Derreta o chocolate juntamente com a manteiga em banho-maria e reserve. Eu fiz no micro-ondas e fui mexendo de 20 em 20 segundos.

Peneire a farinha e o fermento e reserve.

Numa taça, bata o açúcar e os ovos até obter uma mistura esbranquiçada e esta duplique de volume. Adicione o chocolate reservado e envolva. Adicione a farinha aos poucos e envolva bem, para que fique bem incorporada.

Tape a taça com película aderente e leve ao frigorífico de um dia para o outro.

Pré-aqueça o forno a 180º.

Com uma colher de sobremesa, retire porções de massa e com as mãos forme pequenas bolas, mais ou menos, do tamanho de brigadeiros. Untei as mãos com manteiga para ser mais fácil de moldar. Passe as bolas por açúcar em pó . Disponha num tabuleiro com papel vegetal e dê um pequeno toque para eu não fiquem tão redondas e leve ao forno durante 10 minutos. Dê algum espaço entre elas porque crescem. Se gostar um pouco mais estaladiças leve 15 minutos mas o objetivo é ficarem fofinhas.


Preparação com Bimby:

Derreta o chocolate juntamente com a manteiga em banho-maria e reserve. Eu fiz no micro-ondas e fui mexendo de 20 em 20 segundos.

Peneire a farinha e o fermento e reserve.

Na bimby, coloque o açúcar e os ovos e programe 1 minutos, velocidade 5. Adicione o chocolate reservado e misture 20 segundos, velocidade 3. Adicione a farinha aos poucos e programe 30 segundos velocidade 3. Coloque numa taça e tape com película aderente e leve ao frigorífico de um dia para o outro.

Pré-aqueça o forno a 180º.

Com uma colher de sobremesa, retire porções de massa e com as mãos forme pequenas bolas, mais ou menos, do tamanho de brigadeiros. Untei as mãos com manteiga para ser mais fácil de moldar. Passe as bolas por açúcar em pó . Disponha num tabuleiro com papel vegetal e dê um pequeno toque para eu não fiquem tão redondas e leve ao forno durante 10 minutos. Dê algum espaço entre elas porque crescem. Se gostar um pouco mais estaladiças leve 15 minutos mas o objetivo é ficarem fofinhas.

___________________________